O homem suspeito de ter incendiado a casa onde a ex-companheira estava morando com os dois filhos em Itabela, no sul da Bahia, foi preso depois que entrou em contato com a ex para fazer ameaças. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (4) pela Polícia Civil.

Segundo a investigação, Orlando Pereira de Souza teria cometido o crime por não aceitar o fim do relacionamento de cinco anos. No incêndio, ninguém ficou ferido, mas a casa ficou completamente destruída.

O suspeito foi localizado pela polícia, na terça-feira (3), na cidade de Guaratinga. Conforme a polícia, o suspeito entrou em contato com a vítima e, além de ameaçá-la, pediu para se encontrar com ela.

A polícia informou que ele vai responder pelos crimes de ameaça e violência doméstica, com base na Lei Maria da Penha. Foi estabelecida uma fiança de R$ 7 mil para que ele possa ser liberado e responder em liberdade.

De acordo com o delegado da cidade, Robson Andrade, o imóvel, que fica no bairro Jaqueira, foi incendiado no último domingo (1º). A ex do suspeito, de 31 anos, registrou o caso na polícia na terça-feira (3).

Ninguém ficou ferido na ação, pois, conforme informações preliminares da polícia, o imóvel estava vazio. Vizinhos da mulher disseram ter visto o suspeito provocando as chamas e depois fugindo do local.

A mulher tem dois filhos de outro relacionamento, um deles tem 13 anos, e o outro a polícia não tem detalhes da idade, mas disse se tratar de uma criança.

Segundo a polícia, a casa incendiada era do pai da ex-companheira de Orlando e a vítima estava morando no local desde que se separou do suspeito. A família está desabrigada e conta com ajuda de vizinhos.

Fonte; G1 BA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *