Luísa Sonza e Whinderson Nunes iriam ser padrinhos de Carlinhos Maia e Lucas Guimarães

Luísa Sonza decidiu falar pela primeira vez sobre a polêmica briga entre Carlinhos Maia e Whindersson Nunes, que tiveram uma discussão acalorada e aos olhos dos fãs nas redes sociais.

A cantora fez um desabafo em seu Instagram após receber uma mensagem tensa do marido, Whindersson que está se curando de uma depressão.

“Estou me pronunciando porque meu marido acabou de escrever essa seguinte frase pra mim no WhatsApp: ‘estão te perseguindo, não deixa isso acontecer, meu Deus, esse cara vai me matar’. Essa é a primeira e última vez que eu toco nesse assunto. Eu desejo do fundo do meu coração felicidade e muito amor pro Carlinhos e pro Lucas [Guimarães, marido de Carlinhos]. Discordo de várias atitudes dele, mas acredito que todo mundo muda, evolui e aprende com os erros. E só estou me pronunciando pelo meu marido. Ele não merece isso. Por mais que falem o contrário, tentei aguentar e apaziguar as coisas até o último momento”, disse ela.

Luísa comentou o vídeo antigo que circula na web, em que ela diz que faria uma música para o casamento de Carlinhos.

“Depois que esse vídeo acabou e eu saí, as outras pessoas que estavam na mesa disseram para o Whindersson que foi só eu virar as costas, que ele [Carlinhos] falou pra todos que estavam na mesa: ‘fiz minha falsidade do dia’. E mais outras pessoas que estavam perto e me falaram e eu fiquei: ‘ai, tá tudo bem, deixa isso pra lá, ele é só uma menino infantil'”, recordou.

“Achei que só o Whindersson seria padrinho, até porque mal conhecia eles dois. Só falou isso [pedindo a música] enquanto estava gravando os stories pra eu não poder recusar, assim como fez com o Whindersson, divulgando que ele seria padrinho. Inclusive, fiquei sabendo que eu e ele seríamos padrinhos pela internet”, continuou.

Luísa falou ainda sobre a depressão de Whindersson, que piorou após a briga com Carlinhos, e disse que ficou perplexa com tanta história inventada.

“Agora, sim, posso dizer que essas inverdades de ‘não vou com a cara’ virou uma verdade, porque acho que ele não precisava ter me metido numa coisa que não tinha absolutamente nada a ver comigo. […] Depois o que esse cara fez, zombando da doença do meu marido, o quadro dele piorou e tudo que estávamos evoluindo, regrediu. Eu não vou deixar esse cara matar meu marido, não vou ficar calada, porque o Whindersson não merece isso”, finalizou.

Fonte: tvefamosos.uol.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *