Ambulantes que não conseguiram cadastro para o Festival Virada Salvador fazem protesto

Ambulantes que não conseguiram se cadastrar para trabalhar no Festival Virada Salvador fizeram um protesto na manhã desta quarta-feira (18), na porta da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), no bairro da Mata Escura, em Salvador.

O grupo queimou objetos e bloqueou a via. A Polícia Militar foi acionada e, por volta das 12h, apesar dos manifestantes terem liberado a passagem para veículos, os objetos ainda queimavam na via.

Por conta da manifestação, o trânsito na Avenida Cardeal Avelar Brandão Vilela, onde fica a secretaria, ficou com pontos de lentidão. Por volta das 14h, a via foi liberada e o trânsito seguiu tranquilo no local.

O cadastro para 600 vagas foi aberto na segunda-feira (16), pela internet, mas as vagas foram esgotadas cinco horas depois. Alguns dos vendedores ficaram em frente à Semop por vários dias e alegaram que tiveram dificuldades para entrar no site do órgão. Na terça-feira, quando as vagas já tinham encerrado, os ambulantes permaneceram na fila do local. 

Na ocasião, a secretaria informou por meio de nota que cadastrou as primeiras pessoas que chegaram ao local e, caso houvesse desistência entre os candidatos que se inscreveram pela internet, essas pessoas poderão ser chamadas. O órgão também disse que não havia necessidade dos ambulantes esperarem pelas vagas no local.

Fonte: G1 BA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *